Meditação Ho’oponopono – Técnica

VIAGEM-MENTAL- AO-EU-INTERIOR-net-indica

“Eu sinto muito.

Por favor, me perdoe.
Eu te amo.
Muito obrigada, sou grata”
 
Processo de cura Havaiano: Ho’oponopono significa amar-se a si mesmo”.

Introdução

Essa são as palavras mágicas para vencer os desafios da vida. E sabemos que a vida é feita de muito desafios que abre caminhos para amadurecer espiritualmente e materialmente. Tudo que eu faço na minha vida, é aceitar os desafios que vida me oferece, para algumas pessoas são batalhas, mas para mim é um presente para evoluir. Quando conseguimos a vitória sobre o que desejamos transformar em nós, sentimos a genuína alegria Divina pela realização desse processo construtivo, e assim, esquecemos as curtidas lágrimas que enunciavam o cristal da luz interna por trás da luz opaca que o anunciava.Ao praticar essa técnica do Ho’oponopono, via essa luz curativa surgindo como cristal, e cada raio flamejante brilhava n’alma, acendendo o desejo de promover a limpeza profunda de tantas coisas guardadas pela vida à fora. Assim, fui aumentando o poder da justiça sobre minha vida. Por isso resolvi escrever sobre essa técnica para ajudar outras pessoas em seus processos existencias, para caminhar em direção a uma consciência desperta rumo a libertação de dores.

Noções iniciais da técnica do Ho’oponopono. 

separador02

A técnica do (Ho’oponopono (ho-o-pono-pono-) é uma antiga prática havaiana de reconciliação e de perdão. Essa prática de perdão sempre foi realizada Havaí e nas ilhas do Pacífico Sul, incluindo Samoa, Tahiti e Nova Zelândia. Tradicionalmente Ho’oponopono é praticado por sacerdotes ou mestre de cura kahuna lapaau (“Kahuna” em Havaiano significa “guardião do segredo”) entre os membros da família de uma pessoa que está fisicamente doente. As versões modernas são realizadas dentro da família por um ancião da família, ou pelo indivíduo sozinho.

Aparentemente processo Ho’oponopono é muito simples. Trata-se de um processo de limpeza da mente, e o Ho’oponopono real consiste em repetições das frases a seguir enunciadas:

Eu sinto muito, Por favor, me perdoa. Obrigada, sou grata. Eu te amo. 
Essas frases repetidas vão incendiar o processo de transformação na luz interna do praticante, convidando os poderes de transmutação Cósmica atuarem em seu derredor para realização curas necessárias do corpo físico e da sua alma. E assim, para que sinta o desejo de continuar lendo, vamos colocar abaixo um vídeo para que cada um promova a iniciação nessa técnica. Vamos lá! 

O Ho’oponoppono é uma técnica de confissão!

Em muitas culturas da Polinésia, acreditam-se que os erros de uma pessoa (chamado hara ou hala) causou a doença e, tal erro irrita os deuses, outros acreditam que atraem deuses malévolos, e outros ainda acreditam que a culpa causada por um erro cometido adoece a pessoa. Na maioria dos casos, no entanto, ritos específicos são feitos para “desatar ou reparar o erro” e, assim, diminui o acúmulo deles.”

Entre as ilhas de Vanuatu, no Pacífico Sul, as pessoas acreditam que a doença geralmente é causada por má conduta sexual ou raiva. “Se você está irritado por dois ou três dias, a doença virá,” a terapia que deve ser realizada inicialmente é a confissão. O paciente, ou um membro da família, pode confessar a uma pessoa sábia. Se ninguém confessa um erro, o paciente pode morrer. As pessoas acreditam que o sigilo Vanuatu é o que dá poder para a doença. Quando o erro é confessado, já não tem poder sobre a pessoa.

As pessoas das inúmeras ilhas havaianas, de Tikopia nas Ilhas Salomão, de Rarotonga, nas Ilhas Cook, acreditam que os pecados do pai vão cair sobre seus filhos(crianças). Se uma criança está doente, os pais são suspeitos de brigas ou má conduta. Além de doença, a desordem social poderiam causar a esterilidade da terra e outros desastres. A harmonia poderia ser restaurada apenas pela confissão e um pedido de desculpas. Em Pukapuka, era costume de manter uma espécie de confessionário para os pacientes, para determinar um curso adequada da ação, a fim de curá-las.

Tradições semelhantes são encontrados em Samoa, Tahiti, e entre os Maori da Nova Zelândia. A prática tradicional é ensinada no Vale de Kalalau Koke’e State Park, onde são realizados retiros para ensinar a técnica de Ho’oponopono. E um “hala lei” é sempre recebido após a conclusão do Hooponopono na tradição de kahuna Makaweliweli de Molokai.

imgpiece_watermark_net_indica

(hala lei)

O ‘hala lei’ o colar da consagração.

Eu fui pesquisar sobre a hala lei, e descobri que é um colar feito do fruto ‘hala’, trata-se de um material de aplicação em colares muito popular em toda a Polinésia e outras ilhas do Pacífico. É o fruto maduro, que  fornece o material para confecionar colares. Esse fruto tem uma drupa globosa, que são separadas e amarradas em cruz ou cada drupa é cortada a partir do final fibroso e o comprimento é costurada por um sábio. O fruto Hala éesculpido à mão pelo artesão, e só ele é capaz de criar a aparênciaexplosão de uma estrela-distintivo. Embora o fruto Hala tenha umavariedade de cores, o mais procurado tem chamas laranja. O hala pua énormalmente combinado com pedaços de samambaia laua’e. A fragrânciapungente do hala pua produz uma essência rica. Este fruto de boa aparência da árvore Hala tradicionalmente tem vários significados.
O hala é um símbolo e sinal de amor, o odor pungente da flor do sexo masculino (Hinano) e os frutos maduros (hala) é conhecido como símbolopara despertar o amor nas decisões entre os nativos de idade. Um velho ditado diz mais ou menos assim: “Quando o hala está maduro, pescoçossão vermelhos (os nativos usando os colares),” o que significa o momento certo para realizar o amor.

O hala também significa erro de falha, e que esse erro deve passar; o estigma do significado da palavra foi anexado a lei de causa e efeito, posto que, alguns acreditam que atrai o azar ao usar o hala lei. Isto provavelmente resultou de uma lenda que fala de um Lapa’au kahuna, que pediu Hi’iaka para ajudar a salvar seu paciente doente. Hi’iaka, que usava um hala lei, respondeu que não poderia ajudá-lo. Era tarde demais, o paciente havia falecido. Para os mortais comuns esta prática sempre anuncia má sorte.

No entanto, há um lado sorte do hala lei, mais uma vez, derivado dosignificado da palavra. O hala lei usado durante o festival makahiki significando que as falhas e os problemas do ano velho estariam desaparecendo. E o novo ano deve ser bem recebido, sem problemas e, com sorte será muito bom. Representa a vinda do ano novo e/ou uma transição para uma nova era. É muito utilizado para comemorar o Ano Novoou uma formatura (fim de ciclo estudantil).

Muitos outros significados estão ligados ao hala lei: “Dê um hala lei para enxugar as lágrimas do infortúnio; Dê um hala lei para marcar a passagem. A conclusão de um empreendimento; O início de novo ano ou ciclo de vida.

separador_net-indica

 

O que é essa técnica do Ho’oponopono???

Então, vamos para a definição dessa palavra tão diferente que é ho’oponopono. Bem, ela é definida no dicionário havaiano, como “limpeza mental”: Na prática essa técnica é muito bem aplicada em conferências famíliares, onde reunem-se todas as pessoas da família, e todos os relacionamentos estabelecidos, para gerar a harmonia através da oração, discussão, confissão, arrependimento e perdão mútuo, restituindo o ‘status quo ante’. Somente assim, a família pode realizar a limpeza mental de todas as questões mal-resolvidas, como mágoas, ressentimentos, rancores, ódios, gerando harmonia e a saúde tão desejada.

Em Havaiano, Ho’o significa “causa”, e ponopono quer dizer “perfeição”, portanto Ho’oponopono significa “corrigir um erro”, “limpar as causas, acertando os rumos”, ou “tornar certo”.

Também, literalmente, ‘hoo’ é uma partícula usada para fazer uma’atualização’ do substantivo seguinte, como seria “a” antes de um substantivo. Aqui, junta-se com o ‘pono’ substantivo, que é definido como:”bondade, retidão, moralidade, qualidades morais, o procedimento correto ou adequado, a excelência, bem-estar, prosperidade, o benefício, verdadeiro ou natureza real, dever, moral, adequado, justo, correto, reto, virtuoso, benéfico, bem sucedido, em perfeita ordem, preciso, correto, alívio, dever…”

Então esse substantivo ‘ponopono‘ é definido como: “colocar na forma correta e direita; colocar em ordem ou em forma; corrigir, revisar, ajustar, alterar, regular, organizar, arrumar, e fazer a ordenação correta ou pura.

separador_net-indica

 

Algumas histórias sobre essa técnica:

Uma estudiosa havaiana Mary Kawena Pukui escreveu sobre ho’oponopono como uma prática antiquissima no Havaí, ensinada por meio de histórias orais de contemporâneos anciãos havaianos. Pukui registrou pela primeira vez suas experiências e observações no período de sua infância (nascida em 1895) e publicou em seu livro em 1958.

Outro autor Max Freedom Long, que viveu no Havaí de 1917 até 1926, documentou várias histórias do ‘Ho’oponopono’ tradicional, e como era usado por famílias havaianas em seu livro publicado em 1936.

Embora essa palavra ‘ho’oponopono’ não tenha sido utilizada no passado, os historiadores havaianos documentaram a existência de uma crença antiga, de que a doença era causada pela quebra do ‘kapu’, ou seja infração das leis espirituais, e que a doença não poderia ser curada até que o sofredor tivesse expiado essa transgressão. Muitas vezes era necessária a assistência de um orador sacerdote (kahuna pule) ou padre cura (kahuna lapaau) para aplicar a técnica do ‘ho’oponopono‘. O perdão era um pedido dos deuses ou da pessoa com quem havia uma disputa.Essa escritora Pukui descreveu-a também como uma prática de membros de uma família, que deviam promover uma grande reunião para “acertar” as relações familiares quebradas. Algumas famílias se reuniam diariamente ou semanalmente, para evitar problemas de solução de continuidade e erupção de doenças familiares.

Numa familia grande acontece muitos problemas, e muitas vezes alguns parente se distanciam. Muitos familiares somente se conheciam quando alguém ficava doente, ou compareciam a um enterro. Assim, acreditando que a doença era causada pelo estresse de raiva, culpa, recriminação e falta de perdão, só restavam aplicar a técnica do ‘hi’oponopono‘ para libertar os males. kupuna Nana Veary escreveu que quando qualquer um dos filhos em sua família caia doente, sua avó ia perguantar aos pais, “O que você fez?” Eles acreditavam que a cura poderia vir somente com o perdão completo de toda a família.

Hooponopono corrige, restaura e mantém um bom relacionamento entre os membros da família e com os seus deuses ou Deus, obtendo a cura para as causas e fontes de problemas. Geralmente o membro mais antigo da família era quem o realizava. Ele ou ela reúne toda a família e promove a união. Se a família é incapaz de trabalhar com um problema, eles pedem ajuda para outra pessoa muito respeitada por todos.O processo começa com a oração. A declaração do problema é feita, e a transgressão é discutida. Membros da família devem trabalhar através de problemas e cooperar, bem como a não “agarrar-se a falta”. Uma ou mais períodos de silêncio pode ser tomado para a reflexão sobre o emaranhado de emoções e lesões. Sentimentos de todos são reconhecidas. Em seguida, confissão, arrependimento e perdão acontecer. Libera todos (kala) uns aos outros, deixar ir. Eles cortaram o passado (oki), e juntos fecham o evento com uma festa cerimonial, chamado pani, que muitas vezes incluem comidas”limu kala ou algas kala“, símbolo da libertação.

Conta a história de que a família do kahuna Makaweliweli da ilha de Molokai, numa finalização dessa cerimônia de ‘ho’opponopopno’ a pessoa perdoada recebe um ‘hala lei‘ (colar havaiano) feita a partir do fruto da árvore hala.
Ainda conta outra história da “Tia” Malia Craver, que trabalhou com os Centros da Criança Rainha Liliuokalani do por mais de 30 anos, ministrando cursos de Hooponopono tradicional, obtendo muito êxito com tais crianças.Em 30 de agosto de 2000, ela falou sobre o assunto para as Nações Unidas
No final do século 20, os Tribunais, no Havaí a fim de solucionar inúmeros problemas com delinquentes juvenis e adultos, começou a trabalhar com um ancião que conduziria a técnica do Ho’oponopono para suas famílias, como uma forma de resolução alternativa aos litígios. O Ho’oponopono era realizado da maneira tradicional, sem a interferência do Tribunal, com um médico escolhido pela família de uma lista de fornecedores aprovados pelo Tribunal. Todos os casos foram resolvidos satisfatoriamente.

Alguns praticantes nativos oferecem Ho’oponopono aos clientes que de outra forma poderiam procurar terapeuta ou aconselhamento familiar.

separador_net-indica

 

Liberdade de Carma.

Foi aplicada a técnica do Ho’oponopono‘ na restauração de uma aldeia de Koaie no Parque Estadual Lapakahi , segundo o histórico da ilha de Hawaii, North Kohala distrito. E assim, desde então, início do século 20, essa aldeiatem sido um centro para formar lapaau kahuna (padre de cura).

Em 1976 Morrnah Simeona, considerado como um padre cura ou lapaau kahuna, adaptou o Ho’oponopono tradicional do perdão mútuo para a família, para outras realidades sociais dos dias modernos, problemas gerais, e grupos psico-espiritual e auto-ajuda.

A versão Simeona é influenciado por sua formação cristã (católicos e protestantes), pela educação e seus estudos filosóficos sobre a Índia, China, bem como sobre suas pesquisas no médium Edgar Cayce. Como a tradição havaiana ela também enfatiza o poder da oração. Ao contrário da tradição havaiana, ela descreve os problemas como os efeitos do “carma negativo, dizendo que “você tem que experimentar por si mesmo o que você tem feito para os outros“, e você é o criador de circunstâncias de sua vida.Qualquer coisa que estiver fazendo de errado é memorizada dentro de si mesmo e espelhado em cada entidade e objeto que estava presente quando a causa aconteceu. Como a Lei de Causa e Efeito predomina em toda a vida e outras vidas, o propósito da sua versão é principalmente “para liberar infelizes experiências negativas em reencarnações passadas, bem como para resolver e remover traumas do” bancos de memória.

Cármicos cativeiros impede a evolução da mente, portanto a “limpeza (cármica) é um requisito para a expansão da consciência.” Usando sua 14 etapas do processo, seria dissolver as escravidões. Ela não usa mantras ou condicionamento através de exercícios.

Seus ensinamentos incluem essas cinco etapas que cada sofredor realizará processo de cura:

1) Há um Criador Divino, que cuida dos fundamentos altruístas dos homens; com esse pensamento inicia a oração. E isso é feito sempre antes e depois de uma oração, significa que ao terminar o trabalho do homem e trabalho de Deus começa;

Oração criada por Morrnah Simeona “guardiã do segredo”

“Dvino Criador, pai, mãe, filho em um…
 
Se eu, minha família, meus parentes e ancestrais lhe ofenderam,
à sua família, parentes e ancestrais em pensamentos,
palavras, atos e ações do início da nossa criação
até o presente, nós pedimos seu perdão…
 
Deixe isto limpar, purificar, liberar,
cortar todas as lembranças, bloqueios, energias
e vibrações negativas e transmute estas energias
indesejáveis em pura luz…
 
E assim está feito”.

2) Auto- identidade, significa a identidade com a essência divina no início dos inícios. Por exemplo, no momento da aplicação da técnica doHo’oponopono, que os três eus (físico, mental e espiritual) ou aspectos da consciência estejam equilibrados e conectados com o Divino Criador;

3) O altruísmo. Diferente de orações egoístas, as orações “altruístas como Ho’oponopono, onde cada um está orando para a libertação de si mesmo, de outras pessoas, e de lugares e objetos que causam sofrimentos. Tais orações tem objetivo de alcançar o Divino, alçando vôos em direção aoCosmos, e por causa de suas altas vibrações, a energia Divina vem ao mundo da matéria para promover a transmutação daquilo que é pequeno e egoísta;

4) A Libertação. Essa energia transformadora mudaria a parte dolorosa da memória, e da ação errada gravada na mente de todos os participantes para direcionar à Luz Pura, em qualquer plano em que eles são existentes; Todos são libertados;

5) A transmutação. Com esta transmutação na mente os problemas vão perder a sua energia para efeitos físicos, e a cura ou o equilíbrio é iniciado à partir da repetição das palavras (nesse sentido, a mana segundo Simeona não é o mesmo que o entendimento tradicional da polinésia, é aplicada segundo entendimento trazido da ìndia.).

Criação do Estado de Zero.

Depois de estar em contato estreito com Morrnah Simeona a “guardiã do segredo” , em 1992, seu ex-aluno e administrador Dr. Ihalekala Hew Len, escreve um livro com Joe Vitale denominado ‘Limite Zero’. Esse livro refere-se a técnica do Hooponopono aplicada por Simeona apresentando seus ensinamentos. Len não faz nenhuma pretensão de ser um kahuna.
Em contraste com ensinamentos Simeona, o livro diz que o objetivo principal de Hooponopono é retornar ao “estado de Zero”, onde teríamos limites zero. Estaríamos caminhando para o estado de “Não memórias” e “Sem identidade”. Para chegar a este estado, chamado de “auto-Identidade”, deve-se repetir constantemente o mantra: “Eu sinto muito.Por favor me perdoe. Eu te amo. Muito obrigado.

Esse mantra baseia-se no princípio da responsabilidade 100%, tendo a responsabilidade pelas ações de todos, não só para a própria pessoa. Se alguém assumir completa responsabilidade por sua vida, então tudo o que vê, ouve, gostos, toques, ou de qualquer forma as experiências seria uma responsabilidade sua, porque é na vida de alguém que mais interferimos com nossas partes sombrias. O problema não seria com a nossa realidade externa, seria com nós mesmos, em nossa interioridade. Para alterar a nossa realidade, nós teríamos que mudar a nós mesmos.Responsabilidade total, de acordo com Hew Len, defende que tudo o que existe como uma projeção do interior do ser humano.

Como tal, é semelhante à filosofia do silogismo(dedutiva), mas difere na medida em que não nega a realidade da consciência dos outros. Em vez disso, todos os pontos de vista na consciência como parte do todo, por isso qualquer erro que uma pessoa limpa em sua própria consciência, limpa também na consciência de todos. Essa idéia de um indivíduo ter a capacidade de beneficiar-se e por consequência beneficiar indiretamente a todos, pode ser visto na teoria do efeito do centésimo macaco.

Hooponopono é um dos métodos de auto-cura mais efetivos que existe, porque se baseia no amor expressado através de tuas palavras para chegar até seu subconsciente, que é onde residem as memórias que obstaculizam os processos vitais.

“Eu limpo para estar na Presença de Deus. Uma vez lá, a Divindade me dará tudo que é perfeito e correto para mim. Eu só sei isso. Esta é a Meta da minha vida. Se eu tenho qualquer meta ou objetivo, é estar na Presença de Deus”.

Assim essa técnica havaiana, promove tanta cura. Porque Hoo significa “causa”, e ponopono quer dizer “perfeição”, portanto Ho’oponopono significa “corrigir um erro” ou “tornar certo”.

A kahuna* Morrnah Simeona, professora do Dr. Len, ensinava que;”Estamos aqui somente para trazer paz para nossa própria vida, e se trazemos a paz para nossa vida tudo em nossa volta descobre seu próprio lugar, seu ritmo e Paz.”. Esta é a essência do processo Ho’oponopono.

*Kahuna” em Havaiano significa “guardião do segredo”

separador02

Quem é Morrnah Nalamuku Simeona?

Morrnah_Nalamuku_Simeona_net_indica

Morrnah Nalamuku Simeona, nasceu no dia 19 de maio de 1913e veio a falecer em 11 de fevereiro de 1992. Ele idealizou e socializou a nova técnica de Ho’oponopono, que era pouco conhecida. Mas, como é uma técnica extremamente poderosa na auto-transformação e cura, foi sendo divulgada aos quatros cantos do mundo, e atualmente está sendo reconhecido como uma técnica de eficácia e eficiência para os trabalhos de cura. Ele foi reconhecido como um “lapaau kahuna” – curador - tendo essa técnica originada no Havaí, ensinada na versão atualizada doHooponopono todo os Estados Unidos, Ásia e Europa.

Em 1983 Morrnah recebeu uma grande honra por ser designado como um tesouro vivo do Havaí. Ele ensinava Ho’oponopono para pequenos e grandes grupos de pessoas, bem como aplicava a tecnica em hospitais, colégios e até mesmo para o pessoal das Nações Unidas. Ele tambémfundou a “Fundação da I” para promover os princípios de Ho’oponoponotodo o mundo.

Historicamente sistema de cura Ho’oponopono exigia a presença demediador - profissional qualificado sênior – que iria orientar um processo de cura para praticante. Muitas vezes, é necessário que o grupo de pessoasesteja interagindo uns com os outros de uma certa maneira mais profundapara que o processo ocorra. Todavia, Morrnah atualizou essa técnica ‘Ho’oponopono’ informando que não era mais necessário a presença de qualquer outra pessoa qualificada, mas o praticante a si mesmo. Nemnecessitava de qualquer interação específica entre médico e outras pessoas.

Os poderes milagrosos do Ho’oponopono, auto-cura e auto-aperfeiçoamento na prática ainda eram desconhecido do mundo em geral, se não para as obras de Joe Vitale, publicada nos livros seguintes: “A Secreta Lei da Atração”, noutra obra “Criando a Riqueza e Prosperidade” eespecialmente a sua excepcional qualidade no livro “Limite Zero” e outros tantos livros publicados sobre milagres e técnicas em Coaching.

Joe Vitale é conhecido como escritor de marketing em internet e palestrantesobre o tema do auto-aperfeiçoamento. Todavia, a experiência de Joe Vitale sobre o tema do auto-aperfeiçoamento, bem como a sua investigação em profundidade sobre Ho’oponopono merece as notas mais altas. É no livro “Limite Zero” que o mundo descobriu sobre verdadeiros milagres e poderes do Ho’oponopono, assim como sobre informações acerca de Dr. Ihaleakala Hew Len, um dos dísculos de Morrnah Nalamuku Simeona.

O grande psiquiatra Dr. Ilhaleakala Hew Len.

dr-ihaleakala-hew-len-net-indica

Dr. Hew Len foi o aluno mais ávidos de Morrnah Simeona e praticante de uma nova performance atualizada da técnica de Ho’oponopono. Ele foi a primeira pessoa que documentou e confirmou a prova dos milagres de cura iniciado pelo processo Ho’oponopono. Dr. Hew Len foi observando poderes Hooponopono cura a si mesmo quando Morrnah Simeona curou sua filha de um sangramento doloroso (doença da pele) que ela sofria mais de uma década, sem nada e nem ninguém ajudando-o na aplicação da técnica.
Sendo tradicionalmente educado, e com formação universitária em medicina, decidiu olhar mais profundamente sobre o processo que Morrnah Simeona estava usando. Ele ensinava em seu seminário em 1982 a não ter certo grau de luta, pois era uma técnica simples. Simplesmente falava com os espíritos e mantinha uma repetição das palavras. Ele ficou aprendendo com Morrnah todo o caminho até 1992, quando ele faleceu. Dando maior atenção a seus ensinamentos e práticas do Dr. Hew Len conseguiu simplificar e melhorar o processo de Ho’oponopono ainda mais e com resultados surpreendentes.
No período de 1984 até 1987 ele trabalhou como psiquiatra no Havaí Hospital Estadual na supervisão de segurança na habitação de pacientes criminais insanos. Essas pessoas cometeram assassinatos, estupros, agressões e devido ao seu grau de “insanidade”, foram presos em penitenciária de alta segurança psiquiátrica. Violência uns contra e como os outros membros e funcionários eram comuns acontecer nesse hospital. E Dr. Hew Len pensou: – Agora, para tornar as coisas claras sobre essa técnica- estas pessoas são o tipo difíceis que você não pode virar as costas. Assim, ao aplicar essa técnica Ho’oponopono por três anos seguidos, a violência quase deixou de existir, apenas envolvendo principalmente novos pacientes. Fora do local atividades foram introduzidas para ex-pacientes violentos e obteve resultado positivo. O espírito e a ordem na unidade foi muito melhorando e, eventualmente, toda a unidade foi fechada porque não havia necessidade. As pessoas tinham melhorado, curados e liberados ou transferidos para outras alas não-violenta. Todo trabalho, foi documentado, descrito com inúmeras testemunhas.

Como é que tal mudança miraculosa aconteceu no hospital?Segundo o Dr. Hew Len:* Ele não fez qualquer terapia ou aconselhamento com os pacientes;* Ele não assistiu a nenhuma equipe conferências em pacientes;

* Praticou as atualizadas técnicas do processo Ho’oponopono em uma base diária, que incluía aceitar 100% a responsabilidade por tudo o que estava sendo experimentado por ele. (Limite Zero, página 142)

Dr. Hew Len melhorou e atualizou o processo da técnica de Ho’oponopono praticada todos os dias e este processo causou a transformação mais milagrosa dentro do ambiente mais desafiador, num período de três anos.

separador02

separador02

 

Assim que é exatamente Ho’oponopono e, como ele funciona?

Quando Joe Vitale se reuniu com o Dr. Hew Len e perguntou-lhe como exatamente ele conseguiu curar esses pacientes violentos sem realmente ver cada um deles em pessoa, sua resposta foi:

“Eu não curei essas pessoas. Eu curei a parte de mim que os criou “.Para mim, isso foi a revelação mais fundamental para naquele momento.Essa frase por si só explica a premissa mais importante do processo da técnica Ho’oponopono:
Você é 100% responsável por tudo.

É responsável em tudo e, em todos os lugares! E isso significa a responsabilidade não somente na sua história pessoal de sucessos e insucessos. Significa que se alguém fez alguma coisa em algum lugar e você tomou conhecimento daquilo, – você é 100% responsável por isso.

3167960662_ef425988c7_m_net_indica
( Joe Vitale e Dr. IlhaleakalaHew Len)

Ho’oponopono não é o seu bilhete grátis para viagem de culpa. Ser 100% responsável não é a mesma sensação infinitamente culpado por misérias. É lembrete de seu poder criativo e gentil para dar boas-vindas a retornar à sua natureza interior.

Que é Zero? O escritor Joe Vitale escreveu um grande livro sobre o assunto chamado ‘Limite Zero‘, que vale a pena ler. Quando regressar à sua natureza mais interior – a Zero – tudo se torna disponível para você sem esforço e você está sendo impulsionada por inspiração da Divindade, não por ego mesquinho. Zero Ho’oponopono é a mesma coisa que o Imanifestado de Eckhart Tolle.

De volta à realidade prática – vamos supor que Zero é a próxima grande coisa depois de pão fatiado, ou mesmo antes das fatias de pão. Quer que seja. Como é que vamos chegar a esse estado “mágico”? O que exatamente precisa ser feito?

Isto é conseguido por processo de limpeza constante. A limpeza é a prática Ho’oponopono real. Limpeza de quê? 

Você se limpar do lixo subconsciente – programas que rodam a sua vida sem a sua participação.

Aparentemente processo Ho’oponopono é muito simples. Processo de limpeza Ho’oponopono real consiste de repetições das frases a seguir:

 *Eu sinto muito. Por favor, me perdoe. Eu te amo. Muito obrigado, sou grata *

Estas frases repetidas vai incendiar o processo de transformação do self para o praticante. Este é exatamente o que o Dr. Hew Len fez para convidar os poderes de transformação divina em seu derredor durante seu trabalho no hospital psiquiátrico havaiano.
Os princípios Ho’oponopono promove a afinação da alma, com a repetição de frases muito poderosas como: “Eu te amo” e “Obrigada você“. Os poderes do Amor e Gratidão são inquestionáveis ​​em todas as auto-capacitação docente da escola, ou religião.
Descomplicações.
A quem cada um nós deve dizer que essas frases?
Essencialmente, a tudo e a todos, simplesmente fala, simplesmente repete.Não precisa sentir nada de especial, imaginar qualquer coisa, ou outra forma de complicar o processo. Como o Dr. Hew Len ensina muitas vezes “apenas faça”. O processo é tão simples como respirar. Quando você respira e respirar o ar de fora – você limpa o seu corpo de ar processados “poluídos” e enriquece com ar fresco rico em oxigênio, energia, e de excelência para a saúde. E tudo isso acontece sem que você promova qualquer processo de respiração práticas esotéricas ou complicadas. Ele apenas acontece e seu corpo fica rico em fornecimento constante de oxigênio.

As excelentes ferramentas de limpeza Ho’oponopono é a repetição dessas frases como um mantra e assim o processo de limpeza acontece. Você pode limpar as situações da vida, lugares, relações e situações de curso financeiro. Quando algo vem a sua consciência – deve aceitar a responsabilidade de 100% para que e repita o processo de limpeza. Sem culpas, sem intelectualizar, sem qualquer julgamento. Você limpa. A Divindade faz o resto. Divindade é a Infinita Inteligencia, é Deus. 

separador_net-indica

 

Limpeza Ho’oponopono é deixar ir como Deus e deixar Deus atuar…

*Eu sinto muito. Por favor, me perdoe. Eu te amo. Muito obrigado, sou grata *
A realização repetitiva, como uma mantra da técnica ho’oponopono é drasticamente diferente. Eu sou pessoa muito prática e diretiva, e tinha que tentar de tudo em mim mesma. Eu não me importava em aceitar a responsabilidade de 100% para cantar os mantras enquanto eu não visse um resultado positivo na minha vida. Eu quero ver os resultados aqui e agora – e melhor mais cedo do que mais tarde ou eu vou dizer “obrigado” e passar para o ensino posterior. E prática ho’oponopono literalmente fez uma mágica para mim, minha vida, minha família e meus arredores.
Somente assim eu pude compreender perfeitamente as palavras de Dr. Hew Len, quando dizia: “eu não curei ninguém, eu curei a parte de mim que os criou.” Essa frase me chamou atenção e trazia um profundo sentido em minha vida. E a prática foi-se realizando perfeita em minha mente, e oque se seguiu para mim foi literalmente miraculoso.
separador_net-indica
Hooponopono segundo o Dr. Joe Vitale e Dr. Hew Len Ihaleaka.

O que é Ho’oponopono?

É um método de cura havaiano antigo atualizada para o mundo de hoje, que nos ensina a libertar bloqueios e problemas que causam desequilíbrio em nós mesmos.
Ho’ponopono é uma técnica de cura antiquíssima aplicada por Dr. Leen (Ihaleakala Hew Len), com base em tradições e crenças havaianos. Este médico foi capaz de curar uma ala inteira de criminosos mentalmente desequilibrado pacientes sem sequer ver nenhum deles. Estudava arquivo do presidiário e, então, olhou para dentro para ver como ele havia criado a doença daquela pessoa. Como ele melhorou, o paciente melhorava.Ho’oponopono significa “corrigir um erro” ou “fazer a coisa certa” e é uma prática que foi feito uma longa tradição de Huna.Esta técnica baseia-se em:
1. Na crença de que criamos nossa realidade, somos co-criadores e tudo que vemos, a experiência, todas as pessoas ao nosso redor, tudo que compõe o nosso mundo está lá porque nós criamos, nós pedimos é por algum motivo ou razão. Está lá porque nós pedimos isso e aquilo … por isso nós concordamos que são responsáveis ​​pelo que acontece em nosso mundo. Aceitamos que temos 100% de responsabilidade nas coisas que acontecem.

2. Nossa mente é composta por um subconsciente, consciente e uma Supra que muitos se identificam com a Criança Interior, Criança é a chave para a nossa felicidade e armazena informações na sua posse do que ocorreu na vida deste e de outros. Eu digo é a chave para nossa felicidade, porque existem muitas experiências que estamos fazendo, mas não estamos realmente ciente disso, está criando essa criança ou base subconsciente dos dados realizada pelas experiências de idade. O desejo para esta criança para ser feliz, como qualquer outra criança no mundo que ele ama e se identifica com o seu ser físico. Como qualquer criança precisa receber atenção, gosta de se sentir mimos realmente necessário e amada, valorizada e protegida. Precisamos entender que a mente é perfeito, mas as memórias contendo os dados que você trabalhar com e é aí que esta técnica cai na correção do erro dessas memórias e dados na correção da visão e a criação desta criança interior a todo custo tentar protegê-lo e fazer você levar em consideração, mesmo usando a sabotar seus planos para fazê-lo se necessário.

3. Há uma Divindade cuja sabedoria e poder são muito superiores aos nossos e que nos ama incondicionalmente.

4. Devemos estar dispostos a deixar tudo para o Divino para curar nossas memórias, sentimentos, crenças, para curar a raiz de qualquer experiência dolorosa ou indesejada que temos e para curar ao mesmo tempo para os outros. Devemos estar dispostos a aceitar a nossa responsabilidade e, ao mesmo tempo aceitar a ajuda do Divino, que é aceitar esta concessão com a qual podemos curar e ser curado.

Para praticar esta técnica é para se conectar com nossa criança interior e pedimos que você contacte a Divindade e diz “Divindade limpa que está me ajudando a ver este problema,” Então você tem que dizer que sinto muito, perdoe-me, eu amor, obrigado.

Ao fazer isso eu estou pedindo ao Divino para cancelar programas (memórias) em mim que eles são cancelados também em outros, eu estou pedindo para curar minha criança interior para curar a mim mesmo e aos outros.

O que é Ho’oponopono?

Significa: Corrigir um erro.Qual é o ponto?

Trazendo paz e equilíbrio em um simples e eficaz, limpando física e mental, através de um processo de arrependimento, perdão e transmutação.
Ho’oponopono pode ser utilizado por todos, independentemente da idade e cultura.

Coisas que podemos conseguir com Hooponopono: Resolver problemas de uma forma simples.Soltando os problemas que lhe causam stress, doença e desequilíbrio …

Saber quem você realmente é e encontrar sua identidade através da introspecção e curar-se através de suas roupagens excluídas, medos, etc.

 Como se comunicar e proteger a sua criança interior, que é o seu subconsciente e que incorporou as coisas em sua vida.

Como alcançar a paz interior e equilíbrio através da purificação espiritual, saúde física e mental.Como curar e deixar de ir dolorosa memórias emocionais, sem ter que revivê-los.

Perdão e transmutação.

Se podemos aceitar que somos a soma total de todos os últimos pensamentos, emoções, palavras, atos e ações e nossas vidas presentes e as escolhas são marcadas pelo banco de memória do passado, então começamos a ver um processo de correção de erros pode mudar nossas vidas, nossas famílias e nossa comunidade.

A antiga técnica de Ho’oponopono.

A terapia toma forma a partir da antiga técnica de Ho’oponopono, que limpa o inconsciente, porque, como explicou, tudo acontece dentro de nós mesmos. Assumir toda a responsabilidade. Somos totalmente responsáveis ​​pela nossa vida, bem como os eventos externos, que inclui o presidente, o ambiente político, qualquer coisa que nos afeta direta ou indiretamente.
A cura é o resultado do forte sentimento de perdão. Se há um problema, independentemente de internos ou externos devem ser resolvidos internamente. Como é feito? De acordo com Ho’oponopono para o problema a ser recitada:
A cura técnica Haleakala Hew Len Dr. baseia-se em repetir as frases seguintes para o Divino Criador, pensando que nós somos responsáveis:

Perdoa-me.

Divino Criador, Pai, Mãe e filho todos um só, peço desculpas se eu, minha família, meus parentes que eu os meus antepassados, eu ofendi você, sua família, seus parentes ou ancestrais em pensamentos, palavras, atitudes ou ações desde o início a criação da minha alma para o presente. Nós pedimos o seu perdão. Deixe que essa limpar, purificar e liberar, cortar todas as lembranças, bloqueios, energias e vibrações negativas, transmute estas energias indesejáveis ​​em pura luz. E isso é feito.

Eu te amo

Graças. A oração como a libertação da carga ou aprendizado deve ter o caminho do trabalho do Ho’oponopono das três mentes:

Uma parte: Arrependimento e perdão.

A Mente Consciente pode iniciar o processo Ho’oponopono para liberar as memórias, ou pode permanecer sujeito a eles com a culpa e do pensamento. “
1. A Mente Consciente inicia o processo de solução de problemas Ho’oponopono petição à Divina Inteligência para transmutar as memórias vazias. Ela reconhece que os problemas são as memórias, reviveu em sua mente subconsciente e que eles são responsáveis ​​por isso 100%. (Quando eu digo que sinto muito, eu estou pedindo desculpas e assumindo o controle de tudo a 100%);
2. Junta-se a petição à mente subconsciente, gentilmente o leque de memórias em movimento para transmutação. Examina na mente subconsciente, e remete o pedido vai então para a Mente Super Consciente;
3. A Mente Super Consciente examina o pedido, fazendo as alterações que julgar conveniente. Porque ele está sempre ligado a Providência Divina, ela é capaz de rever e fazer modificações. O pedido é então direcionada para cima para a Inteligência Divina, para revisão final e consideração;

Transmutação pela Inteligência Divina

4. Depois de analisar o pedido enviado pela Mente Super Consciente, a Inteligência Divina Transmutação de energia enviada para a Mente Super Consciente;

5. Transmutando a energia flui da Mente Super Consciente para a mente consciente;

6. E transmutando a energia flui da mente consciente para o subconsciente. Transmutando a energia neutraliza a memória designada primeiro. As energias neutralizadas são, então, liberados para o armazenamento, deixando um vazio.
Pensamentos e culpa são memórias revividas. “A Alma pode ser inspirada pela Inteligência Divina sem perceber o que está acontecendo! O único pré-requisito para Inspiração, criatividade divina é que a identidade é uma identidade. Sendo a sua própria identidade requer incessante limpeza das memórias.

As memórias são companheiras constantes da Mente Subconsciente. Eles nunca deixam a mente subconsciente para ir de férias. Eles nunca deixam a mente subconsciente para se aposentar. As memórias nunca param em seu renascimento implacável.”

Pela prática de Ho’oponopono, o que fazemos para mudar o outro, mas para o Divino limpa “nós” pensamentos cheios de memórias dolorosas que nos fazem ver os outros como um problema. A limpeza é feita em você, e o trabalho é feito com você. Mas, essas memórias são compartilhadas conosco, para limpar tudo em minha consciência, estamos operando a limpeza coletiva.
É importante compreender que, quando vemos um problema com alguém, essa pessoa é apenas um reflexo de uma memória armazenada no nosso subconsciente que se expressa através desse problema naquela pessoa. O problema não é a pessoa, mas os nossos pensamentos sobre ele.
Estes relatórios, se estamos ou não conscientes deles, são projetados em todos os momentos, criando a nossa realidade. fazendo histórias ocorreu em experiências repetir que nos deixam sem entender o porquê ou como sair deles.
Muitas vezes, nestas situações que se repetem, temos a ilusão de que o problema está no outro e que, se a mudança iria acabar com o sofrimento, e investir muita energia nessa busca pela modificação do “outro”.
Muitas vezes, se o problema é o “outro” preferem manter uma distância confortável de onde podemos ir e continuar interferindo com os nossos pensamentos, nossos processos e acusações. Apenas o “outro”… Se for nós mesmos, é nossa responsabilidade de limpar tudo o que temos criado a partir de nossos pensamentos e crenças acumuladas desde o início de nossa experiência.

Ho’oponopono vem para nos trazer a capacidade de assumir a responsabilidade de 100% para tudo o que nos incomoda, nas pessoas, situações, lugares, e nos dá ferramentas valiosas para limpar as memórias que nos incomoda.

Na verdade o nosso trabalho é para receber o que vem a nós todos os dias, como um “presente”.

“As memórias são companheiras constantes da Mente Subconsciente. Eles nunca permitem que a mente subconsciente para ir “em férias”. Eles nunca concordam que a mente subconsciente para retirar em si mesmo. As memórias nunca deixar de lembrar, constantemente. Para pôr fim de uma vez por todas as memórias, eles também devem ser apagados de uma vez por todas. “

Quando sua alma está com problemas de memórias, diga mentalmente ou silenciosamente:

“Eu te amo, querida memórias. Agradeço a oportunidade de libertar todos vocês e liberto-os para mim.” “Eu te amo “pode ​​ser repetido mentalmente uma e outra vez. As memórias nunca vão “de férias” ou se aposentam, a menos que a aposentadoria seja muito valiosa. “Eu te amo” pode ser usado mesmo se você não está ciente dos problemas.

Nós podemos fazer o tempo todo o processo de eliminação de memória e restaurar a sua própria identidade, e assim abrir espaço para a nossa realidade primeira que a criação por inspiração Divina.

separador_net-indica

 

Segundo Mabel Katz no livro “El camino más fácil”.

Para Mabel Katz, no livro o “El camino más fácil” é bom fazer sempre essa técnica do Ho’oponopono, mesmo sem qualquer motivo aparente.

“Lo esencial es practicar este método lo más posible, inclusive cuando parece que no está pasando nada, o que uno no tiene ningún problema. ¿Por qué? Porque la mente toca las grabaciones todo el tiempo. Repite permanentemente los programas que tenemos grabados aunque no estemos conscientes de ello”. 

Ho’oponopono de acordo com Eduardo Ontiveros.

Todo “ismo” cria um abismo.

Cada batida na consciência traz todas decepções subseqüente para levá-los até a conclusão. Essa técnica Ho’oponopono não existe mestres, irmãos, padres, apenas alguns professores, apenas algumas pessoas que ensinam com mais sabedoria do que outros. Às vezes as pessoas pensam que a estrada é confundir com o mapa e assim fica preso no mapa. A viagem (o caminho para a realização) de cada um é único, sagrado e especial.

Não pode haver qualidade, sem calor, sem paixão. Cremos firmemente na realidade. Nós somos os criadores da realidade. Nós somos seres multidimensionais e nós canalizamos a eles mesmos.

Este é um novo paradigma = nova realidade. Não há futuro, há apenas co-criação.

O karma é passado, e é acreditar nesse karma inexorável que faz a realidade aparecer com tantos sofrimentos. Somos viajantes nesta realidade multidimensional e devemos excluir o modelo da dualidade. O 360 graus de possibilidades no círculo que fizemos apenas duas: Sim e Não. E com base nisso, nós julgamos nessas três condições:

Eu tenho ou não tenho. Eu mereço ou não vallho a pena. Me amam ou me odeiam.

Dualidades de freqüência nesse planeta terra, assim criamos e agora estão caindo no círculos repetitivos de sofrimentos, e querendo acordar. O modelo Hooponopono pretende derrubar (todos) o que cancelou a conexão com quem eu realmente sou.

Hooponopono técnica.

Baseia-se apenas nestes pedidos:
Eu sinto muito.
Por favor, me perdoe.
Eu te amo.
Muito obrigado, sou grata.

A marca tem três níveis:

Da minha pessoa para mim mesma. Da minha pessoa para os outros. E dos outros para minha pessoaDeterminação: Se eu acreditei, se eu criei” e, eu tenho um novo modelo disponível agora, somente posso e devo excluí-lo. Eu realmente peço desculpas porque sou o primeiro a não ser merecedor das desculpas, por isso devo pedir em primeiro lugar. Assim, peço desculpas porque eu te perdôo.

Ho’oponopono é conscientemente optar por parar de jogar, o jogo que até agora eu fiz sozinho. Devemos despertar os descodificadores, conformando-lhe o nível subatômico. Todo mundo vai acordar a tempo, e o despertar é orgânico ou natural, todos de uma vez. Uma voz começa a despertar e ecoa infinitamente pelo universo.

No novo paradigma está surgindo, e não há dualidade, porque cada um de nós estávamos nas sombras que atacaram veemente promovendo o sofrimento. Quando você sonha e você sabe que é um sonho e o que impressiona é a sua criação que você vai despertar.

O grande segredo é o que nos faz fortes ao realizar a técnica do Ho’oponopono, é ser 110% responsável, para trabalhar com impressões de medo da mudança, para abrir o sincrônico destino feliz e começar a co-criar.

Desculpe, sinto muito: significa que eu lido com o meu 100%; Muito obrigada. Eu dou graças: é a grande chance para apagar;

Eu te amo: eu escolho ser feliz, não há mais confusão, sou feliz, serei feliz. Evito a dor e o sofrimento porque comprendi profundamente que eu a criei.

O homem é complicado. A vida é simples, extremamente fácil e assim caímos. Em vez de tomar novos caminhos e não julgar a tentativa e o erro, como vimos, e associar os novo modelos. Do erro o caminho é de terror então, nós não entendemos porque, só depois ficamos petrificados no julgar. O novo sistema alivia a culpa. A primeira coisa do Ho’oponopono é libertar o bem e o mal e com base nisso, começamos a viver de forma diferente agora.Deus é o pulso vital no coração de toda a existência que atinge cada vez mais em expansão.

Primeiro modelo para o trabalho: EU SOU.

Admita que você é o curador, é hora de acreditar que nós criamos tudo.Temos que limpar a matriz da dualidade em mim, e que me causou muita dor de viver na tentativa e erro.

Então: Desculpe. Desculpe. Obrigado. (Por acaso) Eu te amo.

Ho’oponopono acredita nessa vida, acredita que cada um vive sozinho em simultâneo. Multirealidades. Se você tratar a si mesmo, trata as pessoas em sua volta, assim tornamos co-criadores.

Aquele que pratica a técnica do Ho’oponopono começar a sentir dentro, uma conexão profunda dentro do universo cósmico. Esquece todo o sistema que criou a dualidade. Desaparecem os líderes da humanidade, nenhum líder, nenhum julgamento.

Em Hooponopono: Não existem níveis. Não existem Mestres.

Não há realmente como tomar conta de 100%, mas a técnica leva a assumir a sua própria realidade em 100%. O que sentimentos é um grande apoio do universo, que atua como “Gotas de Orvalho”. É uma palavra usada para disparar a clara limpeza da mente.

- O que começa a acontecer quando começamos a apagar?

Sentimo-nos muito bem, nós não usamos adjetivos. Nós escolhemos primeiramente que é justo e o que seremos depois de aplicar as técnicasHo’oponopono. Somos co-criadores.

A técnica simples do Ho’oponopono:

Eu sinto muito.
Por favor, me perdoe.
Eu te amo.
Muito obrigado, sou grata.

Por que eu digo graças? Porque ele está me dando a oportunidade de trabalhar meu poder.

Palavras de poder: O mais comum é “Gotas de orvalho” essa expressão vem de Alquimia. O dia de São Pedro foi usado por alquimistas. Aqueles panos limpos com água ou gotas de orvalho para serem usados para fins nobres. O interruptor de luz também foi usado para acender a lâmpada. O fósforo também foi usado para acender uma vela. Luz chave é identificar onde estou entre a razão e a paixão.

A fonte perfeita para ser usada para crenças obsoletas, é a inspiração no infinito visando atingir o ponto ‘o’. Supomos que alguém está nos dando a oportunidade de liberá-lo. Vemos o que era a crença que o levaram a esse estado. Devem ser libertados, porque eles não merecem isso. Cuidar do sistema de crenças, além das anedotas que me possa distrair. Busca, porque eu tenho que aceitar sem ser aceito.

Dar ao paciente um lápis e papel e dizer, escreve que o dói, o que dói e as conseqüências. Escreve sobre o que dói? Onde dói? E o fato histórico que dói? E as coisas, objetos que doem. Dê meia hora e depois você diz: escreve agora em uma folha separada o que você vai me deixar e me diga o que o aflige. Quando tudo é a cura como você diz é muito importante, ver a cara da pessoa, você vai chamá-lo para lhe dizer que você está liberando as coisas. Preste atenção, nas as anotações a serem excluídas. Não deixa naa de fora. Lembre-se de tudo que dói… (Então escreva com lápis no papel).

Nesse momento pense: Tudo é um teste de mim para mim. Não julgo. Eu observo o campo de desarmonia, acredito no sistema, onde esta matriz está gravada, diga “Gotas de Orvalho”, “Gotas de Orvalho” e eu determino a liberação. Eu libero.A co-criação da realidade liberta a mente.Outros fatos:IndividualMuito simplesEncontrar um conceito básico.Constantemente especular realidade.Quando eu conecto com quem eu estou começando a aparecer quatro níveis de consciência:

Nível 1: a consciência. Aparece a intuição que está acima da razão. Sem culpa, porque você permitir. Compensação, a minha conexão com o que eu estou realmente nos conecta com a fonte.

2. Nível: As coisas não são Hooponopono.7 Pilares da vida Sincrônica:

Qualquer informação que eu quero ou que tenho dentro de mim, eu sei.. Somos uma biblioteca dinâmica que é atualizado todos os dias. Tudo que você precisa saber o que é, porque eu sou Sabedoria. Começamos a explorar uma harmonia em quem eu sou. Em tudo o que é, qualquer coisa é de ninguém e tudo pertence a todos.

1. Estou em Sabedoria.2. Estou em Beleza.3. Estou em Simplicidade e Alegria.4. Sou da Paz Profunda.5. Estou na escada do eu sou.6. Estou em prosperidade, abundância, qualidade de vida e conforto.7. Estou em rejuvenescimento.Níveis de realidadeDe mim para mim.De mim para a vida.De vida para mim.

Isto porque a maioria do tempo, eu estou respirando o que é. Nós somos os únicos sonhos que somos muitos.Nível 3: começam a revelar onde o seu sonho e é isso que você faz. Alinhamento e Consciência.Se o fizer, ativá-lo e você pode passar.

Você se comunica com a realidade multidimensional e a realidade interior. Você está em tudo e é tudo. Ativo trilha na direção de conectar-se com todas as outras dimensões, e projetar-se nelas.
Descubra-se em suas dimensões várias. Quando você conecta com vários comunicantes do coração sintoniza sua conexão a partir da quinta-essência, o que leva você para não compreender muita coisa, somente o tempo poderá realizar tal entendimento.
Estamos todos preparados para fazer esse trabalho interno e trilhar em direção a reconexão. O tudo é um corpo multidimensional que lembra a si mesmo. Eu ainda lembro de tudo e que posso fazer parte de tudo. A sincronicidade e destino permite que você vá conectar-se com muitas realidades. O que fiz foi até agora foi uma viagem para chegar à pequena porta, que, até agora tem servido, não mais. Agora, existem muitas realidades em muitas dimensões. E os modelos realmente trabalham bem, como limpar e liberar por meio do processo diário do Hooponopono.
separador_net-indica

Ho’oponopono libertando as feridas da criança interior.

A técnica do Ho’oponopono realiza com muita precisão a liberação das feridas da criança interior. Cada um tem a necessidade de apagar as feridas que evocam na criança ferida e necessitamos estar atento nesse trabalho constante com a criança interior.

A criança é um subconsciente. A mãe é consciente. O Pai é superconsciente.

O processo do Ho’oponopono leva a auto-revelação a si mesmo, e consequentemente abre os canais para as memórias da criança ferida. Nada está fora, tudo está dentro e está em nossa mente. Não importa que tipo de problema a criança viveu, suas memórias triste e sofridas. A criança se escondeu em suas dores, mas somente ela sabe o porque das dores, e o lugar que elas se esconderam. A criança se escondeu, face sua fragilidade por isso fica mais difícil a rememorização. E cada uma sabe exatamente onde ela está e deve insistir em encontrá-la… Para lembrar, necessário se faz repetir diariamente o processo Ho’oponopono. Inicia a limpeza da mente, deixando a memória fluir, sem julgar pai, nem mãe e outras pessoas, coisas e fatos…Essa prática diária ajuda conectar com nossa criança interior e devemos pedir que contate a Divindade dizendo: “A Divindade limpa as memórias sofridas, e está me ajudando a ver este problema de frente,” Então você tem que dizer que sinto muito, perdoe-me, eu me amo, obrigado. Ao fazer isso, peça ao Divino para cancelar programas (memórias) que estão dentro de mim, e que eles são cancelados também nas outras pessoas. Rogue: eu estou pedindo para curar minha criança interior, para curar a mim mesma e aos outros…

Devemos lembrar que o perdão é um processo, não é um fim em si mesmo. Estamos sempre precisando perdoar a nós mesmos, a alguém, algo, fatos e objetos. E podemos inicia agora, nesse exato momento. A cura se processa perdoando. Tudo é tão simples. E podemos curar as feridas da criança interior, perdoando a tudo e a todos.
Lembrem-se, um problema é uma memória repetindo uma experiência do passado. O Ho’oponopono é um apelo a Divindade para cancelar as memórias que estão se repetindo como problemas. O Dr. Len mantém essa frase em mente sempre; “A paz começa comigo”, é o que ele procura praticar sempre embora ainda tropece vez ou outra.

separador_net-indica

O procedimento pessoal baseia-se em manter-se calado e centrado em si, permitindo que o processo de transmutação seja levado a cabo por si mesmo, pois se envolver seu intelecto, o processo se detém.

Se deseja resolver um problema pessoal, trabalhe sobre si mesmo. Se tiver um problema com outra pessoa, simplesmente pergunte-se: “O que existe em mim que faz que esta pessoa me ataque?”. Eleve-se sobre essas situações dizendo simplesmente: “Lamento por algo que tenha acontecido ou esteja acontecendo. Por favor, me perdoe”.
O bonito disto é que não terá que compreender nada a nível racional. É como navegar pela Internet. Logo, terá que ir para a Divindade e fazer clique para baixar a informação solicitada.
Por exemplo, se alguém se aproxima falando-nos que tem um certo sofrimento ou dor física, podemos perguntar à Divindade: “O que acontece comigo para que eu tenha causado dor ou sofrimento à esta pessoa?”
E logo, podemos perguntar à Divindade: “Como posso equilibrar esse problema em mim?”. Ou também: “Por favor, há algo que ocorre em mim que tenha causado este sofrimento nessa pessoa? Diga-me como posso equilibrar? As respostas a essas perguntas devem vir sem esforço e a seguir deveríamos fazer o que nos é inspirado… O que importa aqui não é o efeito e sim o entendimento da origem do problema. Essa é a chave.
No caso de ser um terapeuta que use Hoo-Ponopono para ajudar a outros a curar-se, deve primeiro conectar-se com a Fonte Divina e pedir ao Amor Universal para corrigir os errados pensamentos que existam em você e que estejam sendo manifestados atualmente como um problema em você, logo, em seu cliente consultado.
Este apelo baseia-se em um processo de arrependimento e pedido de perdão por parte do terapeuta: “Eu lamento que meus pensamentos errados tenham causado situações negativas em mim e em meu cliente. Por favor, perdoe-me”.
O Hoo-Ponopono vale também para tratar situações derivadas de objetos inanimados, espaços físicos que devam ser curados, etc. O limite é nossa percepção ou imaginação.
A manifestação de uma amorosa responsabilidade é o que transmuta os enganos dentro de nós que manifestam o problema (em nós ou nos outros). A atitude amorosa os cancela e os corrige.

Ritual para fazer Hoo-Ponopono

Este ritual se refere a procurar curar aspectos que envolvem outras pessoas.
Todos os procedimentos hawaianos começam com uma respiração denominada Ha. Uma série de Ha consiste em inspirar durante 7 segundos (ou contando 7), reter a respiração contando 7 e exalar contando 7 vezes. Quando tiver esvaziados seus pulmões, retenham a respiração durante uma contagem de 7. Relaxe e permite que seu próprio ritmo respiratório determine por si mesmo quando pode durar sua contagem de 7.
Sente-se então com as palmas de suas mãos descansando sobre seu colo, com os polegares e dedos indicadores em contato entre si. A seguir, faça 7 ciclos de respiração tal como se explicou acima. Leia a seguinte oração em voz alta:

Divino Criador, Pai, Mãe e Filho, Todos em Um…:

Segundo suas crenças, isto pode-se substituir por:

Amado Espírito, amada Unidade de Tudo o que É…:

Se eu, meus familiares, amigos, ancestrais e descendentes de alguma maneira o ofendemos ou causamos qualquer tipo de prejuízo à você, a seus familiares, amigos, ancestrais e descendentes em pensamentos, escritos, palavras ou ações desde o princípio da criação até a data presente (pode dizer qual é a data presente), transgredindo ou quebrantando a Unidade de Tudo o que É contra nós ou fora de nós para outros, então nós solicitamos humilde e modestamente ser perdoados por isso.
Por favor, pedimos que qualquer tipo de memórias, obstáculos ou energias não desejadas sejam limpas, purificadas, definitivamente desprendidas, liberadas e transmutadas em Pura Luz.
Pedimos que isto seja feito… e já se realizou.

Outras maneiras que podem ser aplicadas em várias ocasiões

Te amo e se despertei sentimentos hostis em você, sinto muito e peço-lhe perdão. Obrigado!
Lamento. Por favor, perdoe-me por algo que se encontra em meu interior e se manifesta como um problema (em mim ou em você).

Quatro técnicas Hoo-Ponopono adicionais

Técnicas para a solução de problemas que podem ser aplicados para restabelecer a própria identidade através da anulação de memórias que reproduzem freqüentemente uma e outra vez os problemas no Subconsciente.

Eu te amo

Quando sua alma experimenta memórias que reproduzem várias vezes situações problemáticas, fale silenciosamente com suas memórias e lhes diga: “Amo-as, queridas memórias. Agradeço a oportunidade de libera-las e de liberar-me”.
“Eu te amo” pode ser repetido muitas vezes. Suas memórias nunca saem de férias ou se retiram a menos que você o faça. “Eu te amo” pode ser usado ainda se você não estiver realmente consciente de qual é o problema. Por exemplo, pode ser aplicado antes de empreender qualquer atividade como fazer uma chamada, responder ao telefone ou antes de entrar em um veículo ao dirigir-se para qualquer lugar.

Obrigado

Este processo pode ser usado sozinho ou junto com o “Te amo”, repetindo mentalmente várias vezes. “Obrigado. Eu te amo”. Ou simplesmente, “Obrigado!”.

Água azul solarizada

Beber quantidades de água é uma maravilhosa prática para solucionar ou curar situações, particularmente se for água azul solarizada.
Consiga uma vasilha de vidro azul com uma tampa não metálica, enche-a de água potável e coloque a vasilha (ou a garrafa) embaixo do sol ou embaixo da luz de um abajur incandescente (não fluorescente) durante um tempo mínimo de uma hora. Depois de haver solarizado a água, pode bebê-la, cozinhar com ela, lavar frutas e vegetais, lavar o rosto ou o corpo.
Tal como acontece com o processo “”Eu te amo” e “Obrigado”, a água azul solarizada apaga as memórias que causam as situações repetitivas na mente Subconsciente.

Frutas que anulam as memórias. Morangos e mirtilos. 

Estas frutas anulam memórias. Podem ser comidas frescas, desidratadas, em geléias, xaropes ou sorvetes.

Conclusão:

Para concluirmos deixamos aqui escrito princípios do Ho’oponopono, que não devemos esquecer:

1. O universo físico é uma realização dos seus pensamentos.

2. Se seus pensamentos são destrutivos, eles criam uma realidade física destrutivas.

3. Se seus pensamentos são perfeitos, eles criam uma realidade física transbordando AMOR.

4. Você é 100% responsável por criar seu universo físico como ele é.

5. Você é 100% responsável por corrigir os pensamentos destrutivos que criam uma realidade doente e muitos sofrimentos.

6. Não existe lá fora. Tudo existe como pensamentos em sua mente.

Sinto muito! Te amo!
Sinto muito! Te Amo!
Sinto muito! Te amo!

Partindo desse princípios, concluo esse texto, sentindo profundo agradecimentos a tudo e a todos que estiveram em minha vida nessa existência. E com eles criamos a realidade conjuntamento e, das quais traduzimos com experiências dolorosas e ou felizes. Hoje, creio estar trilhando caminhos para a liberação, acreditando veemento que ‘todos somos um’. Tenho percepção clara de que tudo inicia e termina em nós pessoalmente. Agradeço a tudo e a todos pelas boas e más experiências! Abraços sublimes 

ARQUIVO DE MEDITAÇÃO HO’OPONOPONO, MP3

Referência bibliográfica: El Poder del Ahora. Eckhart Tolle. El Camino más Fácil de Mabel Katz. El Guerrero Pacifico. Dan Millman. El Sincrodestino. Deepak Chopra.

http://www.hooponopono.org/

www.hooponoponolaexperiencia.blogspot.comhttp://caminodetuser.blogspot.com/2008/03/hooponopono.html

http://www.mantra.com.ar/contterapiasalternativas/hhttp://www.blogger.com/post-create.g?

blogID=6143023859120968036ooponopono.html

http://blog.yaaqui.com/el-ho-oponopono-y-como-sano-a-todo-el-hospital-psiquiatrico_articulo_29_15079.html

http://www.bitacoradeunsermultidimensional.blogspot.com 

Por Norma Villares

Gostou deste artigo?

Recomende e Compartilhe com seus amigos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

One Response to Meditação Ho’oponopono – Técnica

  1. carlos sales disse:

    Nossa mente tem muita força, por isso sempre devemos orar e vigiar.

    Pense positivo, seja positivo, haja positivo, seja feliz.

    Compartilhe momentos, compartilhe atitudes, ame você para amar o próximo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


7 × = sete

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>